Durante quais atividades os brasileiros mais consomem conteúdo em áudio

Compartilhe esse post

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email

Consumo de conteúdo em áudio se tornado o foco das estratégias de marketing digital. A era do áudio chegou de vez na internet.

Um dos principais fatores que contribuem para o aumento do número de pessoas que preferem consumir áudio é a flexibilidade que esse tipo de material oferece.

Isso porque por meio dele é possível realizar multitarefas como ouvir áudio enquanto dirige, trabalha, se exercita ou arruma a casa, por exemplo.

Um dos principais benefícios encontrados no consumo de conteúdo em áudio é não precisar utilizar as mãos, ler ou muito menos ficar parado ou concentrado para conseguir entender o que está sendo passado.

Para se ter uma noção, apenas o consumo de conteúdo em áudio via streaming alcança 30% do total de usuários únicos da internet no Brasil.

Pensando nisso, resolvemos te contar no post de hoje durante quais atividades os brasileiros consomem mais conteúdo em áudio. Continue a leitura e confira.

A evolução do consumo de conteúdos em áudio

Os programas de rádio foram um dos primeiros tipos de conteúdos em áudio a serem consumidos pelas pessoas.

De acordo com a Associação Brasileira de Emissoras de Rádio e Televisão (ABERT), o rádio surgiu no Brasil, oficialmente, em 7 de setembro de 1922.

Isso aconteceu durante as comemorações do centenário da Independência do país, com a transmissão, à distância e sem fios, da fala do presidente Epitácio Pessoa na inauguração da radiotelefonia brasileira.

Após esse marco, diversos tipos de conteúdo em áudio foram surgindo e ganhando espaço na rotina das pessoas. Podemos citar como exemplo os audiolivros (livros narrados), podcasts, posts em áudio e streamings de música.

A força desse tipo de conteúdo é tão grande que, segundo a PodPesquisa Produtor 2020/2021, estima-se que haja cerca 34,6 milhões de ouvintes de podcasts no Brasil.

Diante desse cenário, as empresas passaram a explorar esse tipo de conteúdo nas suas estratégias de marketing. Esse método tem demonstrado grandes resultados na expansão da presença digital das marcas.

Durante quais atividades há maior consumo de conteúdos em áudio

Devido a flexibilidade e facilidade de consumo que o áudio proporciona, esse tipo de conteúdo é bastante utilizado para otimizar tempo e promover entretenimento.

Descubra abaixo quais são as ocasiões em que as pessoas mais escutam áudios no dia a dia:

1.      Durante trajetos de locomoção

Conforme aponta a pesquisa realizada pela Associação Brasileira de Podcasters (ABPod) em parceria com a rádio CBN, em 2018 79% dos ouvintes de podcast no Brasil fazem esse consumo durante trajetos de locomoção.

Isso significa que as pessoas costumam escutar conteúdos em áudio no caminho de casa para o trabalho, no trajeto para a escola e faculdade.

Por não necessitar que o ouvinte esteja parado e com os olhos fixos para a tela, o áudio possibilita o consumo no carro enquanto o usuário dirige, ou até mesmo no ônibus e metrô, por exemplo.

A média ponderada de consumo diária desse tipo de conteúdo pode chegar a até 2h52min.

2.      Durante a realização de atividades domésticas

Ainda segundo a mesma pesquisa citada anteriormente, outro momento em que os brasileiros mais consomem conteúdos em áudio é durante a realização de atividades domésticas.

De acordo com o levantamento, 68% das pessoas escuta áudios enquanto arruma a casa, lava louças, passa roupas e realiza outras tarefas.

Conforme dados do IBGE, as mulheres dedicam, em média, 21,3 horas por semana com afazeres domésticos e cuidado de pessoas. Já os homens gastam com as mesmas tarefas 10,9 horas.

Isso significa que as marcas têm em média 16,1 horas por semana para atingir o seu público-alvo por meio de conteúdos em áudio.

3.      Durante a realização de atividades físicas

De acordo com a PodPesquisa 2018, 46% das pessoas consomem conteúdo em áudio durante a realização de atividades físicas.

Isso significa que esse tipo de conteúdo está presente na rotina das pessoas nas academias, durante corridas, caminhadas, musculação, passeios de bicicleta e diversos outros exercícios físicos em geral.

Essa é uma excelente oportunidade para o marketing digital, tendo em vista que nesses momentos as pessoas encontram-se mais relaxadas e concentradas.

Além disso, durante essas atividades ocorre a liberação de endorfina no corpo, também chamado de hormônio da alegria. Ele promove sensação de bem-estar, euforia e alívio de dores.

Podemos considerar que esse é um ótimo momento para criar uma conexão com o seu público-alvo através de conteúdos de áudio.

4.      Durante o trabalho

O perfil de liderança nas organizações mudou. Foi-se o tempo em que os chefes eram super rigorosos. Atualmente, há mais liberdade e flexibilidade nos ambientes de trabalho.

Isso significa que em muitas empresas existe a possibilidade de os colaboradores escutarem conteúdos em áudios enquanto produzem. Isso acaba por favorecer a atuação e o desempenho do marketing das marcas.

Além disso, no país existem cerca de 24,5 milhões de trabalhadores autônomos. Profissionais que decidem como querem trabalhar e o que desejam escutar enquanto fazem isso.

Por causa desses fatores, 39,2% dos respondentes da PodPesquisa 2018 relataram que ouvem podcasts enquanto trabalham.

5.      Durante a navegação na WEB

Conforme aponta uma pesquisa, três em cada quatro brasileiros acessam a internet, o que equivale a 134 milhões de pessoas.

Atualmente, é possível fazer praticamente tudo, até mesmo tarefas simultâneas, através da internet. Os usuários podem até mesmo decidir se desejam navegar no conforto de casa ou remotamente, de qualquer local ou horário que for mais conveniente.

Não é à toa que 38,6% dos entrevistados da PopPesquisa 2018 relataram que escutam conteúdos em áudio enquanto navegam na web.

6.      Antes de dormir

Até mesmo quem tem a rotina agitada tira um tempinho para consumir conteúdos em áudio. Pelo menos é isso que demonstra a resposta dos 34,6% dos entrevistados da PopPesquisa 2018, eles relatam ouvir podcasts antes de dormir.

Considerações finais

O conteúdo em áudio é uma tendência que chegou sutilmente. No entanto, atualmente, ele é considerado uma das principais estratégias utilizadas nas empresas para potencializar os resultados do marketing digital.

Afinal, conforme pudemos ver ao longo desse artigo, as oportunidades de uso desse tipo de material são grandes. Além disso, o áudio é de fácil acesso, estando presente durante várias etapas do dia a dia das pessoas.

Quer aproveitar todos os benefícios de explorar conteúdo em áudio? Entre em contato agora mesmo com um dos nossos especialistas.

COPYRIGHT © 2020. NOSSA VOZ PRODUTORA DE ÁUDIO. TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.